VOCÊ ESTÁ EM >> UM SOBRADO COM MUITA PERSONALIDADE

Um sobrado com muita personalidade

Usando materiais e recursos que são as últimas palavras na arquitetura e decoração, Cibelle Costa usou toda a sua expertise para projetar esta casa que é um modelo de inovações.

Quando a arquiteta Cibelle Costa, da ArqTop, foi chamada para projetar esta casa de condomínio para um casal e filha, os proprietários foram categóricos: queriam um projeto de linhas retas e modernas, mas aconchegante, e que fossem utilizados elementos orgânicos, como pedra, madeira, água e verde, na construção. Nada que resultasse na aparência de um imóvel comercial.

O desnível do terreno foi o primeiro desafio para a arquiteta resolver a integração dos ambientes no piso térreo – uma outra exigência dos donos. “Esta é uma casa muito “utilizável. Apesar de contemporânea, não é minimalista, mas bem integrada à natureza”, define Cibelle.

O espelho d’água, logo na entrada, confere ao cenário um clima contemplativo e natural, bem como o jardim com seu paisagismo limpo, sem excessos. “Escolhi apenas uma planta marcante: o Pândano, muito cultivada na Polinésia. Suas raízes chamam a atenção por serem aéreas”, conta a arquiteta.

Já da Indonésia vieram as pedras Hijau, que revestem o espelho d’água, lisa na parte interna e bruta na externa. Essa pedra tornou-se umas das “queridinhas” dos arquitetos para projetos modernos de piscina e lagos artificiais. Quando molhada, ela adquire uma tonalidade verde, que remete às cores do mar do próprio país de origem. “Por ser uma pedra natural vulcânica, os tons variam conforme a incidência de luz. E necessita de pouco rejunte”, ensina Cibelle.

 

 

Outra pedra interessante foi utilizada na coluna frontal e parede lateral. “Encontrei esse tipo de basalto em uma viagem que fiz à Bahia. Sua beleza está na coloração e na irregularidade, que gera um efeito especial no assentamento”.
Pode-se dizer que esta casa é um modelo de iniciativas pioneiras para soluções do dia a dia. Preocupada com o conforto térmico, Cibelle utilizou nos grandes vãos de vidro os inovadores Wood Brises. Ao mesmo tempo que evitam a incidência direta da luz do sol, proporcionam privacidade para os que estão no espaço interno. “Os brises eliminam a necessidade de cortinas e funcionam como um elemento de decoração bastante contemporâneo. Outra vantagem é possibilitar o recurso de controle dos ângulos de iluminação e privacidade. Mas bem que essa regulagem já poderia ser automatizada”, brinca.

A porta de entrada também exigiu um trabalho redobrado da arquiteta. “Eu quis um resultado estético alinhado com os outros componentes, não a porta como foco principal da fachada. Para isso, teve que ser adaptada sem portal”.
Na decoração do estar, foram usados tons fortes terrosos e o cobre, nos detalhes decorativos e tapete, contrastando com chão e paredes bem neutros. A escada foi toda moldada com o mesmo porcelanato do piso, e a iluminação dos degraus ficou por conta de balizadores para ambientes internos.

Lá fora, predominam os tons de azul marinho e bege, no Silestone Azul Estelar da piscina, assim como nos objetos e almofadas, mesclados a revestimentos amadeirados e o branco cru das paredes. Esta área é, sem dúvida, outro ponto alto do projeto. A piscina, em forma de raia, atende tanto o espaço externo quanto o interno, dando apoio à sauna, que pode ser vista do lado de fora através do vidro transparente, o limite entre os dois ambientes. Outra inovação desenvolvida por Cibelle foram as prainhas, intercaladas por mesas, também em Silestone. Sobre este espaço, um pequeno véu de água jorra da cascata encrustada na parede.

A cozinha, com bancada de ilha, é pequena, quase um apoio para a área da churrasqueira, mais utilizada. “Para este balcão, usei um revestimento espanhol da Porcelanosa, em tom de cinza chumbo, contrapondo com o granito preto absoluto”.

Na parte superior do sobrado, no quarto do casal, Cibelle optou por um piso de assoalho natural, em madeira Cumaru, com acabamento acetinado, “para dar mais aconchego”. E no banheiro da suíte, o revestimento da parede chama a atenção pela mistura de materiais (mosaico de vidro, pedras e mármore). “O efeito final parece 3D, mas a parede é chapada”, revela a profissional.

 

Cibelle Costa - ArqTop

Projeto Estrutural: Marka

Paisagismo: Mônica Costa

Decoração: Cibelle Costa

Automação: Eletropires

Direção Técnica: Cibele Costa

 

Rua Dr. Altino Arantes, 1370 

Parque Universitário, Franca/SP

Tel.: 16 3722-0805

cibellecosta@arqtop.com.br 

 

Ficha Técnica - Fornecedores 

Aquecimento Solar: Viasol (16) 3701.7012

Pedras, revestimento balcão da churrasqueira, cobertura e telhado: Mundial Pedras e Concept (16) 3722.5466

Porta: Art in Portas – Jairo: (16) 3720.2004 

Esquadrias PVC, portas: FScott (16) 3720.2008

Fundação, Concreto: Cenafer (16) 3701.8244

Gesso: abece gesso & cia (16) 3703.8492

Granitos: Fran Mármore (16) 99209.8871

Impermeabilização: Casa da Impermeabilização (16) 3723.1715

Louças, luminárias, lustres, material elétrico, material hidráulico, metais e

acessórios: Hidromar  (16) 3713.2688

Material elétrico: Eletropires (16) 3711.3777

Objetos de decoração, móveis: Ateliê Decor (16) 3703-3116

Vidro comum, espelho e Vidro Temperado: DVT Blindex (16) 3722.2100

Portões: Art in Metal (16) 3702.2244

Móveis Planejados (cozinha, lavabo, churrasqueira): Celmar (16) 3723.2500

(16) 98149.0070

Brises: Marcellordi (16) 3720.2620

Cortinas e papeis: Norbertus (16) 3406.0105